URBAN MARKET

Criaram o Urban Market, que veio para ficar e já faz parte do cenário do Porto.

A Portugal Lovers, tem vindo, através do Urban Market, a “rasgar” com o convencional conceito de “feira”. Uma feira é um lugar-comum onde a desorganização e a falta de critérios reinam, um Mercado Urbano é o fruto de uma selecção que posteriormente é organizada e exposta. O Urban Market assume um papel crucial na estratégia de promoção de uma marca, uma vez que funciona como uma montra sobre a oferta actual e, permite identificaras necessidades principais e os nichos de mercado com probabilidades de sucesso. Torna-se assim um meio económico para fazer negócios e lançar produtos no mercado, uma vez que proporciona ao expositor, uma aproximação “cara a cara” com potenciais compradores nacionais e internacionais. É um evento direccionado para empreendedores, criativos, marcas, designers, arquitectos e comércio tradicional promoverem os seus trabalhos e os seus espaços. Integramos neste evento várias áreas, desde o design de produto ao design moda, mobiliário, às artes, joalharia, passando pelo hairstylist com os Anjos Urbanos Cabeleireiros, à música, petiscos regionais e vinho.

É uma oportunidade valiosa de mostra de produtos e/ou identidades, é uma forma de gerar micro negócios, de chegar a vários públicos (portugueses e estrangeiros) – nalguns casos tem permitido a exportação – é um desafio na inovação dos produtos, na exposição, no branding e nas tendências do mercado. Cada vez mais, em tempos de crise ou não, é importante cruzar áreas aparentemente distintas. Promover o contacto entre diversos negócios e valências, pôr as pessoas a conversar, pôr ideias a mexer.

O Urban Market é, além de um evento diversificado e rico, uma mais-valia para a cidade, para o nosso património: dar a conhecer a cidade às pessoas, dar a conhecer espaços escondidos ou apenas atribuídos a certas “funções”por vezes, dar a conhecer o trabalho dos criativos, apoiar, dar a conhecer, dignificar a arte, nas suas diferentes formas: design, joalharia, ilustração, música, dança, pintura, entre outras que merecem ser promovidas, divulgar a gastronomia tradicional e os vinhos portugueses, sempre presentes nos nossos eventos.

Começámos em Janeiro de 2012 no Lófte, um edifício do séc. XIII, o primeiro hospital do Porto e que hoje em dia se transformou num atelier de residências artísticas e não parámos. Já passámos pelo Edifício “Caos”, um espaço em reabilitação, o Hotel Carris Porto Ribeira, as Arcadas da Reitoria da Universidade do Porto, a Casa do Infante, a Fundação Escultor José Rodrigues/Teatro Bruto, o Hard Club, a FAUP, Faculdade de Aquitectura, as Praias de Vila Nova de Gaia, o Jardim de São Lázaro, a Quevedo Portwine, Caves de Vinho, Palácio de Cristal, Circuito da Boavista, Exponor, Jardim das Virtudes, Sé d Porto, e este ano a completar 3 anos na Praça das Cardosas.

É preciso misturar para encontrar. E se para isso for preciso juntar num teatro, num jardim, num hotel, os Anjos Urbanos Cabeleireiros, criadores, documentários, provas de vinho, grafitters, pintura, música, o resultado é positivo. Estamos sempre à procura de novos desafios e novos espaços para divulgar.